Casa Quinta da Baroneza

Anteriormente uma antiga fazenda de gado, a Quinta da Baroneza foi transformada em um condomínio residencial situado em Bragança ...

Anteriormente uma antiga fazenda de gado, a Quinta da Baroneza foi transformada em um condomínio residencial situado em Bragança Paulista a 90 quilômetros da capital. Sua paisagem é marcada por extensos gramados e trechos de vegetação. Arthur Casas projetou esta residência partindo das necessidades e características dos ambientes internos para só depois desenvolver a volumetria da construção. Dividida em dois pavimentos, a casa é invadida pela luz natural através de grandes aberturas e possui espaços interligados com áreas de convivência generosas e confortáveis. Segundo o próprio arquiteto ela foi concebida de dentro para fora.
 
À primeira vista a construção fica quase escondida, implantada no desnível do terreno, a cerca de 12 metros abaixo do nível de acesso, com a maioria dos ambientes voltados para fundo do lote. O elemento mais visível é uma caixa revestida em madeira onde está situada a circulação vertical e que divide a casa em duas alas, subdivididas como blocos horizontais sobrepostos.
A estrutura metálica foi utilizada na cobertura e pilares de concreto delgados passam praticamente despercebidos nos ambientes. Nas paredes externas foram usados tijolos reaproveitados de uma demolição, além da madeira. Estes materiais promoveram uma integração maior da construção à paisagem.
 
Uma curiosidade do projeto é a ausência de varanda. Os ambientes de estar, que são unificados, fazem às vezes de varanda, sendo melhor aproveitados pelos moradores. A continuação destes espaços para a área externa possui um grande pano de vidro basculante que se abre para a piscina e cobertura de toldo retrátil. Nas áreas internas, o arquiteto optou por grandes portas de correr embutidas que liberam os vãos e oferecem visão panorâmica para o exterior. Os pisos são em Cumaru envelhecido, portas revestidas por laminado metamínico com microtexturas, paredes pintadas com látex branco e forros em gesso acartonado. O resultado é uma ambientação contemporânea e de fácil manutenção.
 
Ficha técnica:
Local: Bragança Paulista-SP
Ano: 2007/2009
Área: 3.200 m² terreno - 997 m² construída
Arquitetura e interiores: Studio Arthur Casas
Luminotécnica: Franco+Fortes
Paisagismo: Gil Fialho
Fotos: Leonardo Finotti

COMENTÁRIOS

Seja o primeiro a comentar!

* Campos obrigatórios. Seu email não será divulgado.